【Importante】Sistema de atendimento do Consulado em Nagoya por agendamento

O atendimento ao público no Consulado-Geral do Brasil em Nagoya tem dado continuidade a mudanças que vem sendo anunciadas desde o ano passado, com o intuito de evitar transtornos, reduzir filas e dinamizar o processamento dos serviços.

O novo serviço, o atendimento presencial é feito somente com agendamento prévio – procedimento que já vinha sendo planejado e, coincidentemente, foi implementado em meio à pandemia do novo coronavírus.

“Este projeto já vinha sendo desenvolvido antes da pandemia. Agora, os postos passarão gradualmente a utilizar uma ferramenta única, uniforme, igual em todos os países”, explica o cônsul-geral Nei Futuro Bittencourt, ao frisar que o novo sistema, batizado e-Consular, entrou em operação como projeto-piloto em 11 postos consulares no mundo, incluindo o de Nagoya. A unidade atende 57,9% dos 211.677 brasileiros residentes no Japão – segundo dados do Ministério da Justiça japonês computados em dezembro de 2019.

“A pandemia tornou mais apropriada a adoção do sistema, que permite controle muito acurado do público presente nas salas, mediante administração do número de atendimentos diários e fim das filas e aglomerações, pois só comparece quem teve o atendimento agendado”, prossegue Bittencourt. Ele acrescenta que, como a pandemia já vem habituando o público a evitar aglomerações, isso facilitou uma transição mais suave. “A maior e talvez única dificuldade que o público pode encontrar é ter de habituar-se a novas práticas, novas formas de solicitar atendimento – e ter de aprender a fazer isso por sistema informatizado, on-line.”

A principal recomendação é que ninguém se dirija diretamente ao Consulado sem buscar informações sobre como fazer o agendamento. Para isso, é necessário que, primeiramente, cada cidadão se cadastre no sistema e-Consular (https://ec-nagoia.itamaraty.gov.br/). Feito isso, ao acessar o sistema, é possível selecionar o serviço desejado e obter informações sobre como enviar os documentos necessários, que serão conferidos pela repartição antes do atendimento presencial ser agendado – alguns dos serviços, inclusive, podem ser feitos a distância, sem necessidade de comparecer ao local.

Por fim, Bittencourt lembra que, com a conferência antecipada de documentos e o agendamento, o tempo de atendimento presencial foi reduzido. “A partir de agora, quem comparece ao atendimento já teve todo o serviço analisado e, se necessário, corrigido”, explica o cônsul. “A pessoa vem com hora marcada e fica pouco tempo, somente para receber o serviço – e, eventualmente, assinar algo ou apresentar testemunhas, entre outras ações que devem ser presenciais.”

Mais informações: http://nagoia.itamaraty.gov.br ou pelo telefone 052-222-1077

Escrito por: Gilberto Yoshinaga

#comunidade


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.