via: Osaka activist opens eatery to give aid and food to people in hardship at New Year - The Mainichi

Japão

Ativista de Osaka abre restaurante para ajudar pessoas com dificuldades no Ano Novo

2020.12.29

“Hoje em dia, o mais importante é viver. Se você estiver passando por um momento difícil, venha aqui e coma”- Ueno (52 anos).

Toshio Ueno é uma ativista que mora na cidade de Toyonaka na província de Osaka, e administra um projeto que visa ajudar pessoas com dificuldades, principalmente moradores de rua e mães solteiras. E no período de Ano Novo, ela estenderá uma mão amiga às pessoas que passaram por tempos difíceis em 2020.

Desde setembro de 2019, Ueno e sua mãe de 75 anos administram um restaurante chamado “Gohandokoro Okaeri”. Elas distribuem comida quente para os moradores de rua e também apoiam mães solteiras.

“As pessoas não precisam assumir todas as responsabilidades decorrentes de sua situação de perder o emprego ou ter sofrido uma queda na renda”.

Devido a pandemia do coronavírus, muitas pessoas perderam seus empregos ou tiveram suas jornadas de trabalho reduzidas, e com a chegada do inverno, Ueno espera ajudar muitas pessoas a darem o primeiro passo para reconstruírem suas vidas.

Seja a diferença

Ativista de Osaka abre restaurante para ajudar pessoas com dificuldades no Ano Novo Japão

Crédito: Mainichi/ Hiroshi Muramatsu

Ueno se sentiu motivada a fazer a diferença na vida das pessoas há 5 anos, quando ela começou a distribuir bentos de graça para moradores de rua no bairro comercial de Umeda (Osaka). Em uma dessas distribuições, ela conheceu um morador de rua de 70 anos. No começo, ele aceitava o bento silenciosamente, mas um certo dia ele disse para ela: “Se eu apenas encher minha barriga, vou sentir que vou conseguir pelo menos até amanhã”.

Após o episódio, ela começou a preparar sopa para moradores de rua em um parque de Osaka. Depois de um tempo, as pessoas que antes compareciam paravam de ir, e quando Ueno perguntava por eles, ela descobria que alguns deles haviam morrido.

Em 2018, quando um forte terremoto atingiu o norte da prefeitura de Osaka, vários supermercados fecharam e algumas mães solteiras passaram por apuros.

“Tenho vivido com itens de liquidificação de supermercado. Não tenho coisas como comida para emergências e estou preocupada com o que vamos comer a partir de amanhã”.

Vendo a situação, Ueno decidiu criar um grupo ativista para que as mães solteiras pudessem desabafar um pouco com ela.E mais tarde, a sede do grupo se tornou seu principal negócio, o “Gohandokoro Okaeri”.

Projeto do Ano Novo

Ativista de Osaka abre restaurante para ajudar pessoas com dificuldades no Ano Novo Japão

Crédito: Mainichi/ Hiroshi Muramatsu

Para ajudar as pessoas no ano novo, Ueno idealizou um projeto chamado “Cantina dos Adultos”- onde as pessoas podem pedir aconselhamentos sobre sua vidas e fazerem uma refeição.

A cantina funcionará até dia 5 de janeiro, das 18:00 as 21:00 horas, e os participantes que puderem pagar, receberão uma refeição por 500 ienes, e as crianças acompanhantes podem comer de graça.

Já as pessoas que não têm condições de pagar podem conseguir um “bilhete de partilha da felicidade” e receberem um jantar gratuito.

“Todos nós tropeçamos em nossas vidas às vezes, mas você não precisa se culpar. Seria bom se a cantina pudesse se tornar parte de uma base para ajudar as pessoas a tentarem novamente mais uma vez. As pessoas deveriam vir aqui casualmente, e primeiro encher seus estômagos”- comentou Ueno.

Para obter mais informações sobre o projeto, clique aqui.

#comunidade

Leia também;


Ativista de Osaka abre restaurante para ajudar pessoas com dificuldades no Ano Novo Japão