Caça F-15 da Força Aérea de Autodefesa desaparece no Mar do Japão

Um caça F-15 da Força Aérea de Autodefesa (ASDF) aparentemente caiu no Mar do Japão na segunda-feira, pouco depois de decolar da Base Aérea de Komatsu na província de Ishikawa, no centro do Japão, informou o jornal Mainichi.

Uma parte do caça F-15 desapareceu a caminho de treinamento com uma tripulação de dois a bordo, e os equipamentos salva-vidas foram encontrados na superfície do mar a cerca de 5 quilômetros a oeste-noroeste da base, disse a Força de Autodefesa do Japão.

A queda ainda não foi confirmada, mas se confirmada, será a primeira vez que um avião da Força Aérea de Autodefesa cai no Japão desde abril de 2019.

Em 2019, um caça furtivo F-35A pertencente à Base Aérea de Misawa, na província de Aomori, caiu no Pacífico.

Em busca por sobreviventes

Crédito: Kyodo

A Força de Autodefesa está procurando a tripulação e mobilizando quatro aviões, incluindo um helicóptero de resgate.

Tanto a Força de Autodefesa Marítima quanto uma unidade local da Guarda Costeira do Japão, estão se juntando à missão de resgate.

Eles também estão investigando o motivo que levou o caça jato a sair do radar após decolar por volta das 17h30 de segunda-feira.

O escritório da Guarda Costeira de Kanazawa disse que recebeu uma ligação de uma pessoa relatando um brilho vermelho na costa de Kaga, perto da base.

O caça desaparecido pertencia a um esquadrão que funciona como aeronave inimiga em treinamento de voo tático.

Fonte: The Mainichi

Leia mais:

Homem atira em um médico e faz o outro de refém em casa perto de Tóquio

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.