Estudo revela que os casos de coronavírus setuplicaram após o início da campanha Go To Travel

Segundo um estudo publicado recentemente, o número de novos casos de coronavírus associados à viagens de turismo no Japão, quase setuplicou após o governo iniciar o programa de subsídios de viagens Go To Travel, que tinha o objetivo de restaurar e impulsionar o turismo no país.

Crédito: Getty Images

O estudo foi realizado por dois pesquisadores da Universidade de Kyoto, Hiroshi Nishiura e Asami Anzai, e publicado nesta última quinta-feira no Jornal of Clinical Medicine.

Como o estudo foi realizado

Os pesquisadores fizeram uma análise dos deslocamentos de cerca de 4.000 pessoas (de 24 províncias distintas) que foram infectadas pelo coronavírus entre maio e agosto de 2020.

Eles descobriram que 817 pessoas infectadas foram para outras províncias ou entraram em contato com outras pessoas que também foram além de suas fronteiras.

Depois disso, os pesquisadores analisaram o número diário de casos de coronavírus associados à viagens e perceberam que o número de novos casos triplicou após o início da campanha. Segundo os dados do estudo, em comparação com os casos de coronavírus associados às viagens de negócios, os casos de coronavírus associados à viagens de turismo aumentaram em cerca de 6,8 vezes.

Crédito: Getty Images

“É natural que o aumento da mobilidade humana em áreas geográficas mais amplas facilite o contato adicional e espalhe o vírus”- concluíram os pesquisadores.

Go To Travel

Crédito: Getty Images

A campanha de incentivo à viagens foi lançada no dia 22 de julho de 2020 a fim de restaurar a indústria de turismo, que foi duramente atingida pela pandemia do coronavírus. No entanto, com o rápido aumento das infecções a campanha teve que ser suspensa no final de dezembro.

Leia também:

#coronavírus


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.