Fábrica de Fukuoka doa máscaras feitas de Hakata-ori para a população

Um fabricante de tecidos de Fukuoka distribuiu nesse sábado (21) máscaras para a população como resposta à disseminação em grande escala do coronavírus no país.

Formou-se uma longa fila do lado de fora do Museu de Artesanato Hakata-Ori, da empresa Sanui Orimono Co., e as quase 180 máscaras disponíveis foram doadas em menos de 10 minutos.

Mesmo tendo acabado, a empresa continuará a produção e planeja distribuir um total de 3.000 máscaras na cidade, inclusive em diferentes lojas.

As máscaras são feitas de Hakata-ori, um estilo de tecelagem japonês que se originou em Fukuoka há quase 800 anos.

O presidente da Sanui Orimono, Katsuhiko Sanui, disse que estava sofrendo ao ver pessoas vendendo máscaras regulares com altas preços em meio à escassez. “[As máscaras] não são apenas uma contra medida do coronavírus. As pessoas com rinite alérgica também precisam delas e estão tendo problemas. Talvez eu possa fazer alguma coisa”, lembrou Sanui.

O resultado de sua inspiração são máscaras laváveis ​​em várias cores e padrões tradicionais.

Ainda, Sanui comentou sobre a economia atual. “Para ser sincero, estamos em uma situação econômica apertada“, disse. “Mas a indústria de Hakata-ori tem sido apoiada por muitas pessoas. Eu gostaria de retribuir o favor e também ajudar as pessoas que estão passando por dificuldades”.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.