via: Japan firms send canned fish to poor kids in gratitude for 2011 aid - The Mainichi

International

Gratidão gera gratidão: Japão envia peixes enlatados para crianças pobres em países em desenvolvimento

2021.03.04

Alguns fabricantes de conservas de peixe do leste e nordeste do Japão, que foram atingidos pelo terremoto e tsunami de 2011, estão oferecendo itens ricos em proteínas para alimentar crianças em idade escolar em países em desenvolvimento, como uma forma de agradecer pelo apoio que lhes foi dado durante a reconstrução.

No dia 11 de março completará 10 anos da catástrofe que abalou o Japão. Segundo o presidente da empresa fabricante de sardinhas e cavala, Iwate Canning Co., a última década foi sobre como recompensar as pessoas por todo o apoio que as áreas atingidas receberam, tanto do governo japonês quanto de outros países.

Gratidão gera gratidão: Japão envia peixes enlatados para crianças pobres em países em desenvolvimento International

Crédito: Kyodo

“Sabendo que nossos peixes enlatados ajudam crianças no exterior, nossos membros da fábrica sentem a grande importância do projeto”- disse Sumiaki Yamashita.

Cerca de sete empresas atingidas pelo terremoto e tsunami em 2011, nas prefeituras de Aomori, Iwate, Miyagi, Ibaraki e Chiba, enviaram aproximadamente 800 a 1000 toneladas de conservas de peixes durante todos esses anos para países africanos e asiáticos.

Gratidão gera gratidão: Japão envia peixes enlatados para crianças pobres em países em desenvolvimento International

Crédito: WFP/ Vilakhone Sipaseuth (Kyodo)

Os países que se beneficiaram da ajuda através do World Food Program são: Burundi, Camboja, República do Congo, Guiné-Bissau, Senegal, Sri Lanka, Laos e Lesoto.

Em 2011, alguns desses países ofereceram ajuda imediata ao Japão, como o Sri Lanka que doou cerca de 1 milhão de dólares e 3 milhões de pacotinhos de chá, além de uma equipe para ajudar na recuperação das áreas afetadas.

Pode parecer simples, mas de acordo com a Suisankanzume Packers Association, os peixes enlatados estão ajudando a atender às necessidades de proteínas das crianças de países em desenvolvimento, além de contribuir para a melhora dos meios de subsistência.

Leia também:

Áreas atingidas por tsunami são os novos destinos de excursões escolares

Vovó de 86 anos doa 100 milhões de ienes para ajudar na restauração do Castelo de Kumamoto

Boa ação: Escolas instalam máquinas de vendas automáticas para prevenir insolação nas crianças

 

#diaadia


Gratidão gera gratidão: Japão envia peixes enlatados para crianças pobres em países em desenvolvimento International