via:

Japão

Homem recebeu 16 MILHÕES por engano e diz que não pode devolver o dinheiro pois já gastou tudo!!

2020.05.30

O governo municipal de Osaka entregou transferiu cerca de 15 milhões de ienes a mais como reembolso de imposto a um morador de 60 anos. Embora a cidade exija que ele devolva o dinheiro e pretenda tomar uma ação legal, o homem afirma que não pode reembolsá-lo, pois gastou tudo.

De acordo com o advogado do homem, a cidade de Settsu fez uma transferência monetária de 16.675.577 ienes para a conta bancária do homem em julho de 2018 como restituição de imposto. O erro administrativo foi descoberto durante uma investigação pelos funcionários da prefeitura de Osaka.

O governo da cidade de Settsu emitiu um pedido de desculpas em outubro de 2019, afirmando: “Pedimos desculpas profundamente por causar um enorme inconveniente” e solicitou que ele devolvesse a quantia extra de cerca de 15 milhões de ienes.

O homem, no entanto, depende de seus benefícios de pensão para viver e diz não consegue reembolsar o valor. Ele explica: “Não posso devolver o dinheiro da restituição de imposto, pois já o gastei pagando dívidas“. O homem disse ao Mainichi Shimbun: “Eu pensei que não havia absolutamente nenhuma margem para dúvida, pois era uma ação tomada pela cidade. Minha mente ficou em branco quando me pediram para devolver o dinheiro“.

Seu advogado afirma: “Ele não tem obrigação de devolver o dinheiro pois ele já o havia usado no momento em que a cidade exigiu o reembolso“. O advogado acrescentou: “É muito cruel que ele assuma a responsabilidade depois de mais de um ano, mesmo que o erro tenha sido da cidade“.

Legalmente falando, o homem obteve o dinheiro de maneira injusta, mas o Código Civil estipula a obrigação de devolver apenas o que tiver em mãos, segundo o advogado.

Veja a matéria original em: https://mainichi.jp/english/articles/20200527/p2a/00m/0na/012000c


Homem recebeu 16 MILHÕES por engano e diz que não pode devolver o dinheiro pois já gastou tudo!! Japão