Iene atinge sua maior desvalorização em quase 20 anos

O iene japonês caiu para seu nível mais baixo em relação ao dólar norte-americano em quase 20 anos nesta quarta-feira.

A moeda japonesa continua se desvalorizando em relação ao dólar, em meio à perspectiva de uma crescente diferença de política monetária entre o Banco do Japão e o Federal Reserve dos EUA. Para visualizar o gráfico e comparar o valor do dólar em relação ao iene, clique aqui.

A moeda caiu para o nível mais baixo de 126 ienes em relação ao dólar durante as negociações de Tóquio, seu nível mais fraco desde maio de 2002, após se mover para a faixa inferior de 125 ienes no início do dia.

O iene estava fraco desde a manhã, com os exportadores buscando o dólar para fins de liquidação.

A queda do iene ocorreu depois que o mercado mostrou uma reação limitada a uma observação do ministro das Finanças, Shunichi Suzuki, de que um movimento rápido no mercado de câmbio é “indesejável”, acrescentando que o governo ficará de olho no mercado.

No mercado de ações, o Nikkei terminou quase 2% mais alto, com os investidores comprando ações prejudicadas depois que o índice de referência caiu no dia anterior para seu nível mais baixo em cerca de um mês.

“Os investidores compraram em queda porque as ações foram vendidas demais no dia anterior. O mercado também foi apoiado por um aumento nos futuros de ações dos EUA e pelo enfraquecimento do iene”, disse Shingo Ide, estrategista-chefe de ações do NLI Research Institute.

Qual é o impacto do rápido enfraquecimento do iene?

O rápido enfraquecimento do iene levantou preocupações sobre o impacto negativo que terá na recuperação econômica do Japão após a pandemia, em um momento em que os preços da energia e das commodities estão subindo.

Um iene fraco infla os custos de importação para o Japão, com poucos recursos, mas ajuda os exportadores, aumentando seus lucros no exterior quando trazidos de volta para casa. Altos funcionários do governo expressaram preocupação com a rápida queda do iene. 

O secretário-chefe do gabinete, Hirokazu Matsuno, também disse em uma coletiva de imprensa regular que movimentos acentuados nas taxas de câmbio são “indesejáveis” e que o governo monitorará o impacto da depreciação do iene na economia japonesa com vigilância.

Fonte: The Mainichi e Kyodo News

Imagem de destaque: via heddels

Matérias relacionadas:

Dólar atingiu alta de 6 anos acima de 120 ienes

Iene cai para mínima de cinco anos com aumento dos custos de importação do Japão

Porque o Japão renovará as notas em 2024?

#diaadia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.