Índice de preços de bens corporativos sobem 9%

De acordo com os números do índice de preços de bens corporativos (CGPI) de agosto divulgado pelo Banco do Japão no dia 13, o índice doméstico subiu 9,0% em relação ao ano anterior.

O impacto dos elevados custos dos combustíveis no início da primavera levou a um aumento dos preços da eletricidade com um desfasamento temporal.

Embora a taxa de aumento tenha ficado estável em relação ao mês anterior, o alto crescimento continua.

O índice subiu por 18 meses consecutivos. O índice de 115,1 é o mais alto desde janeiro de 1960, quando as estatísticas começaram.

Por categoria os índices de eletricidade, gás e água foram 33,4%, aço 26,1%, derivados de petróleo e carvão 15,6%, produtos químicos 10,4% e alimentos e bebidas 5,0% e 6% cada.

O índice de preços de importação anunciado aumentou 42,5% em relação ao ano anterior em ienes. Embora a taxa de crescimento tenha diminuído de 49,1% no mês anterior, foi positiva por 18 meses consecutivos.

Desde maio, os índices de preços corporativos voltaram para a base de 2020.

Fonte: Reuters

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *