Japão desenvolve o primeiro teste do mundo capaz de identificar três vírus de forma simultânea

 Um novo teste de reação em cadeia da polimerase (PCR) é capaz de identificar simultaneamente novas infecções por coronavírus e influenza A e B através de uma única amostra de saliva.

Atualmente, os testes de coronavírus demoram cerca de duas horas para produzirem os resultados, e o novo teste super-rápido apresenta resultados em até 18 minutos. 

O novo teste super-rápido de reação da cadeia da polimerase (PCR) está sendo desenvolvido pela empresa Shibuya Corp, que fica sediada na cidade de Kanazawa (centro do Japão)  e espera-se que ele reduza as taxas de resultados falso-positivos.

-Novo método

De acordo com a empresa e com seu parceiro de desenvolvimento, o empreendimento conjunto da Universidade de Kagoshima, a SUDx-Biotec Corp., o novo método reduz o trabalho em torno de processos, incluindo centrifugação, em que as partículas são separadas uma das outras em uma determinada solução com base em seus tamanhos formas e densidades, e cria temperaturas em que o vírus pode-se multiplicar facilmente através de um  equipamento de alta especificação.

Dentro de um ano, eles pretendem apresentar os testes ao Ministério da Saúde Trabalho e Bem-Estar, e vender centenas desses testes como dispositivos médicos às instalações de saúde.

#coronavirus


 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.