via:

Japão

Japão realiza o primeiro transplante pulmonar do mundo com doadores vivos

2021.04.09

Na quinta-feira (8), o Hospital Universitário de Kyoto anunciou que realizou o primeiro transplante mundial de tecido pulmonar de doadores vivos para uma paciente com grave lesão pulmonar causada pela COVID-19.

Segundo o Hospital Universitário de Kyoto, a receptora, identificada apenas como uma mulher que mora na região de Kansai, está se recuperando após passar por cerca de 11 horas de operação, e tanto o marido quanto o filho (que doaram parte de seus pulmões) também estão estáveis.

Primeiro transplante mundial de tecido pulmonar com doadores vivos

A Universidade de Kyoto disse que esse foi o primeiro transplante de tecido pulmonar com doadores vivos para uma pessoa com lesão pulmonar causada pela COVID-19. Segundo as informações, o transplante de doadores com morte cerebral no Japão ainda são raros, por isso a opção de doadores vivos é uma opção mais realista.

A mulher que contraiu COVID-19 no final de 2020, desenvolveu sintomas graves da doença e ficou respirando através de máquinas por mais de três meses. Mesmo após testar negativo para o vírus, seus pulmões ficaram gravemente danificados e a única opção era receber um transplante de pulmão.

O marido e o filho se ofereceram para ser os doadores, depois que ambos reconheceram o risco da diminuição da capacidade pulmonar de parte de seus pulmões. A cirurgia foi realizada no Hospital Universitário de Kyoto por uma equipe de 30 profissionais. O marido doou parte do pulmão esquerdo e o filho doou parte do pulmão direito.

De acordo com a Universidade, a mulher deverá permanecer se recuperando por cerca de dois meses no hospital, e os médicos acreditam que, se tudo correr bem, ela terá sua recuperação completa dentro de alguns meses.

#coronavírus


Japão realiza o primeiro transplante pulmonar do mundo com doadores vivos Japão