via: Japan to join U.S. and others in coordinated oil-reserve release | The Japan Times

International

Japão se junta aos EUA e outros países para liberar petróleo de suas reservas

2021.11.24

De acordo com informações divulgadas pela Casa Branca nesta última terça-feira (23), os Estados Unidos irão liberar cerca de 50 milhões de barris de petróleo de suas reservas de emergência para ajudar a conter a alta dos preços do petróleo, em coordenação com outros grandes países consumidores de energia, como o Japão e a China.

O Japão está considerando usar os estoques estatais em excesso, o que seria a primeira exploração das reservas de petróleo em uma tentativa de baixar os preços por parte do país com poucos recursos.

O Japão, que depende de países produtores de petróleo começou a manter reservas de petróleo bruto na década de 1970. A reserva japonesa é divida em três tipos: estatais, reservas mantidas por empresas e reservas armazenadas nos países produtores de petróleo.

Os Estados Unidos anunciaram que irão usar as reservas em uma tentativa de lidar com o aumento dos preços e embora o Japão tenha hesitado em explorar seus estoques, não era uma opção recusar o pedido do governo estadunidense.

Japão se junta aos EUA e outros países para liberar petróleo de suas reservas International

Crédito: Photographer: Toru Hanai/Bloomberg

Esta é a primeira vez que fazemos algo assim em paralelo com outras grandes nações consumidoras de energia”-disse um funcionário de alto cargo do governo estadunidense.

O aumento nos preços da gasolina e de outros combustíveis está atingindo muitas famílias e empresas que lutam com o impacto da pandemia do coronavírus.

A Reserva Estratégica de Petróleo dos Estados Unidos é o maior suprimento mundial de petróleo bruto de emergência, contendo mais de 600 milhões de barris de petróleo.

No Japão, a quantidade de óleo que será liberada deverá ser equivalente a vários dias de consumo. Anteriormente, o governo japonês japonês já liberou suas reservas em cinco situações para atender preocupações de abastecimento após alguns desastres naturais, turbulências políticas externas, incluindo após o terremoto e tsunami de março de 2011.

Você sabia?

O Japão é membro da Agência Internacional de Energia e como membro, o país é obrigado a manter reservas de petróleo iguais a 90 dias de importações líquidas no ano anterior e a quantidade de estoques de emergência privados deve ser superior a 70 dias de seu consumo de petróleo do no ano anterior.

Leia também:

#diaadia


Japão se junta aos EUA e outros países para liberar petróleo de suas reservas International