Uma mulher de 29 anos na cidade de Utsunomiya, província de Tochigi, foi presa por abandonar seu filho recém-nascido do lado de fora de um orfanato.

A mulher identificada por Mai Iimura, foi acusada de negligência por abandono de menor incapaz, informou Sankei Shumbun.

As autoridades confirmou que a mãe admitiu ter deixado o seu filho, que tinha apenas 2 à 3 dias de vida, em um portão dos fundos do Hospital Infantil afiliado com Sociedade Nacional da Cruz Vermelha de Ibaraki (em Mito), por volta das 22h30 no dia 28 de junho.

Um dos funcionário que chegou para trabalhar às 5h40 do dia 29 de junho, encontrou o bebê enrolado em uma toalha e dentro de uma sacola. Não havia nenhum tipo de recado.

O bebê passa bem, porém está hospitalizado. A polícia só identificou quem era que tinha abandonado, após analisar as imagens das câmeras de segurança próximos ao local.

#crime


Mãe é presa por abandonar filho recém-nascido em Ibaraki Japão