Mãe é presa por suspeita de matar o filho com um “futon”

Segundo a polícia, uma mulher de 31 anos foi presa nesta quarta-feira (24) em Tóquio por suspeita de ter matado o filho de dois anos enrolando-o em um futon.

Haruka Takeda, se justificou dizendo que enrolou o filho com o futon porque ele não parava de chorar, mas não tinha a intenção de matá-lo. Ela ainda disse que teria feito isso outras vezes no passado.

A polícia suspeita que a criança morreu por asfixia entre as 20h50 e 21h37 de terça-feira.

Segundo a polícia, a mãe teria feito uma ligação de emergência após perceber que o filho (enrolado no futon e deixado sozinho no andar de cima da casa) não estava mais chorando.

A criança foi levada para o hospital e teve sua morte confirmada na mesma noite.

Segundo o The Manichi, Takeda tem um marido de 37 anos e outra filha de 2 anos que aparentemente também moravam na mesma casa.

#diaadia


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.