Máscaras de pano oferecem zero proteção contra o vírus, diz estudo

Segundo um estudo realizado pelo professor e especialista em epidemiologia ambiental, Kazunari Onishi, as máscaras de pano não oferecem proteção prática contra o novo coronavírus.

Kazunari Onishi, professor associado da Universidade Internacional St. Luke’s em Tóquio, descobriu que quando as máscaras de tecido não são utilizadas de maneira correta, elas apresentam uma taxa de vazamento de 100% em relação as partículas de vírus que são transportadas pelo ar.

E quando utilizadas de forma correta, essa taxa de vazamento de partículas virais cai para cerca 50%. Onishi testou vários tipos de máscaras incluindo as máscaras de pano “Abenomasks” e as máscaras contra poeira que atendem ao padrão N95.

Ele também utilizou um equipamento especial para medir a proteção das máscaras e o número de partículas com mais de 0,3 micrômetro no ar.

As máscaras de pano e as máscaras contra poeira, têm taxas de vazamento diferentes quando utilizadas de forma correta ou incorreta.

As máscaras contra poeira apresentaram uma taxa de vazamento de apenas 1% quando utilizadas corretamente e de 6% quando utilizadas de forma casual.

“Este experimento confirmou que o uso de máscaras de pano e gaze não pode impedir a infecção pelo vírus”- disse Onishi.

Cuidado ao colocar as máscaras 

O professor admite que as máscaras ajudam a impedir que os usuários espalhem gotículas virais ao tossirem ou espirarrem, no entanto, a maneira incorreta de colocá-las pode aumentar os riscos de vazamento dessas partículas. Dessa forma, é preciso que as máscaras estejam bem ajustadas ao formato do rosto e também sejam higienizadas da maneira correta.

#saúde


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.