Primeiro-ministro do Japão e chefe do COI decidem que as Olimpíadas acontecerão conforme planejado

O primeiro-ministro japonês, Yoshihide Suga, encontrou com o chefe do Comitê Olímpico Internacional, Thomas Bach, nesta segunda-feira e juntos concordaram que as Olimpíadas de Tóquio serão realizadas conforme planejado no próximo verão, mesmo com a pandemia do coronavírus em curso.

Suga e Bach discutiram os preparativos para os Jogos de Verão, em uma visita do Chefe do COI a Tóquio, enquanto o número de novos casos de coronavírus continua crescendo em todo o mundo. Após a reunião, Bach disse estar confiante de que os espectadores poderão assistir aos jogos nos locais e prometeu que o Comitê irá se esforçar ao máximo para que todos os atletas sejam vacinados, caso haja vacina disponível até a realização.

“Nesta reunião, estávamos totalmente alinhados na total determinação e confiança para fazer dos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 e dos Jogos Paraolímpicos um grande sucesso no próximo verão aqui em Tóquio” disse Bach. Ainda de acordo com o Chefe do COI, a realização dos Jogos Olímpicos e da chama Olímpica será a luz no fim do túnel.

Em comparação com muitos outros países, o Japão não foi relativamente afetado pela pandemia. No entanto, nos últimos dias com a temperatura em queda e a diminuição na restrição ao movimento de pessoas, o país tem enfrentado recordes de infecções diárias. Sob tais circunstâncias, Suga renovou sua promessa na presença de Bach de que ele está “determinado” a sediar as Olimpíadas como “prova de que a humanidade derrotou o vírus”.

“Eu expliquei que estamos fazendo várias considerações sobre a premissa de ter espectadores e concordei com o presidente Bach em trabalharmos em conjunto para a realização de uma Olimpíada segura”, disse Suga a repórteres após a reunião.

#coronavírus


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.