Rússia testa mísseis lançados por submarinos no Mar do Japão

O governo do Japão disse que está observando de perto as atividades militares da Rússia após relatos de que o país realizou testes de mísseis lançados de submarinos no Mar do Japão.

Os testes de mísseis ocorreram um dia depois que a 7.ª Frota da Marinha dos EUA e a Força de Autodefesa Marítima do Japão anunciaram exercícios navais conjuntos no Mar do Japão.

A agência de notícias russa ITAR-Tass informou que dois submarinos movidos a diesel da Frota Russa do Pacífico lançaram com sucesso mísseis de cruzeiro Kalibr em um alvo naval durante os exercícios na última quinta-feira. 

O jornal russo disse que o alvo era uma estrutura de navio simulando uma embarcação inimiga, e o exercício envolveu mais de 15 navios de guerra de sua Frota do Pacífico e aviões de guerra.

O míssil de cruzeiro Kalibr foi projetado para voar em velocidades subsônicas e pode atingir alvos a até 2.000 km de distância.

Imagem retirada de um vídeo do Ministério da Defesa via Japan Times

“A Rússia intensificou suas atividades militares, implantando seus equipamentos mais recentes e realizando exercícios e treinamentos em todo o Japão”- disse o secretário-chefe do gabinete japonês, Hirokazu Matsuno. 

Ele disse que o Japão está observando de perto a atividade russa, mas não deu mais detalhes, dizendo que “isso revelaria a capacidade de coleta de informações do Japão”.

No final de março, a Rússia realizou grandes exercícios militares envolvendo 3.000 soldados em ilhas reivindicadas pelo Japão, o que gerou até um protesto em Tóquio.

A disputa pelas ilhas Curilas, que Moscou tomou no final da Segunda Guerra Mundial, ainda não foi resolvida com um Tratado de Paz oficial. Desde que a Rússia invadiu a Ucrânia, a relação com o Japão ficou abalada.

O Japão impôs sanções contra a Rússia, como resposta à sua invasão, e Moscou por sua vez, anunciou a interrupção das negociações sobre o Tratado de Paz com Tóquio.

Fonte: Asahi Shimbun

Imagem de destaque: Dia a Dia

Matérias relacionadas:

Rússia adiciona Japão à lista de países “não amigáveis” com outras 48 regiões

Japão está em alerta após míssil norte-coreano cair próximo ao território

Filme mostra a história oculta sobre o deslocamento forçado de imigrantes japoneses durante a Segunda Guerra Mundial

#diaadia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.