DIA A DIA

Informação, cultura, turismo e entretenimento para brasileiros no Japão

Tóquio passa a reconhecer relacionamentos de minorias

O Governo Metropolitano de Tóquio passou a reconhecer parcerias de minorias sexuais nessa terça-feira, 1.º de novembro. Tóquio se juntou a várias outras províncias e aprovou os casais de minorias sexuais nos serviços administrativos e em outros serviços públicos.

O Japão não reconhece legalmente o casamento entre pessoas do mesmo sexo, mas os casais que obtiverem um certificado sob o Sistema de Juramento de Parceria de Tóquio poderão, por exemplo, solicitar moradia municipal e incluir os nomes de seus filhos em seus certificados de parceria.

Créditos: The Mainichi

Em junho, o Tribunal do Distrito de Osaka recusou uma ação judicial que alegava que “o ato do Governo de negar aos casais do mesmo sexo o direito de casar é inconstitucional e antiquado, enquanto o Tribunal do Distrito de Sapporo decidiu no ano passado que o fracasso do Governo em alterar as leis para reconhecer o casamento entre pessoas do mesmo sexo viola o direito à igualdade.

Com uma população de mais de 14 milhões de habitantes, Tóquio é a jurisdição mais populosa do Japão a implementar tal sistema para minorias sexuais, incluindo lésbicas, gays, bissexuais e transgêneros.

O Governo Metropolitano começou a aceitar inscrições para o certificado de parceria sob o novo sistema em meados de outubro, com os candidatos tendo a opção de conduzir o processo online para proteger suas identidades.

Nove prefeituras japonesas (Aomori, Akita, Ibaraki, Tochigi, Gunma, Mie, Osaka, Fukuoka e Saga) já introduziram um sistema de parceria para minorias sexuais.

LEIA MAIS:

#japão #lgbt #diaadia

Fonte: The Mainichi

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *