Toyota interromperá 8 fábricas no Japão devido à falta de peças

A Toyota Motor Corp. informou na terça-feira que suspenderá as operações em 14 linhas em oito fábricas no Japão por até seis dias este mês, pois está difícil adquirir peças devido ao prolongado bloqueio pelo coronavírus em Xangai.

Com o plano, a Toyota disse que sua produção global para maio será reduzida para cerca de 700.000 veículos em relação à meta anterior de 750.000 veículos.

As fábricas afetadas, incluindo as de Motomachi e Miyata nas províncias de Aichi e Fukuoka, respectivamente, serão interrompidas entre 16 e 21 de maio, informou a montadora. A empresa acrescentou que essa suspensão resultará em um corte de produção de cerca de 30.000 unidades.

A suspensão parcial aumentará o número de fábricas afetadas para 12. A empresa, que administra um total de 14 fábricas no Japão, já havia dito no mês passado que interromperia algumas operações em 10 linhas em pelo menos nove fábricas em maio devido à escassez de semicondutores.

Matérias relacionadas:

Toyota planeja investir US$ 624 milhões para fabricar peças de veículos elétricos na Índia

Toyota fechará fábricas nesta terça-feira após suspeita de ataque cibernético

Toyota reduz perspectiva de vendas para o ano fiscal de 2021

Fonte: The Mainichi

#diaadia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.