via: Japan's COVID-19 vaccinations for under-65s get into full swing - The Mainichi

Japão

Vacinações COVID-19 para menores de 65 anos estão em pleno andamento no Japão

Com o Primeiro-Ministro Yoshihide Suga visando completar a vacinação até novembro, o governo permitiu que empresas e universidades lançassem seus próprios programas de vacinação para menores de 65 anos.

O programa está atualmente limitado a empresas grandes e universidades com muitos alunos. A expansão futura da taxa de vacinação dependerá da capacidade do governo de expandir a vacinação para universidades menores, bem como para pequenas e médias empresas.

A proporção da população total que já recebeu as duas doses agora é de 3,6% de acordo com dados do governo.

A vacina desenvolvida pela empresa de biotecnologia dos EUA, Moderna Inc., é usada para vacinações em universidades e locais de trabalho, como é o caso em locais de inoculações em massa administrados pelas Forças de Autodefesa e governos locais.

Universidades e empresas são obrigadas a garantir profissionais médicos e locais para fornecer vacinas.

Na segunda-feira, a Tohoku University, a Hiroshima University, a Keiko University e a Kindai University iniciaram os programas, enquanto a Itochu Corp., a Central Japan Railway Co. e a SoftBank Group Corp. estavam entre as empresas que tomaram tais iniciativas.

A Nippon Sport Science University começou a vacinar não apenas seus alunos e funcionários, mas também os trabalhadores da área circundante. Da mesma forma, algumas outras universidades com departamentos médicos disseram que ajudarão a vacinar alunos de outras instituições de ensino.

As empresas Nippon Airways Co. e Japan Airlines Co. iniciaram seus programas de vacinação na semana passada, antes do cronograma estabelecido pelo governo.

Na segunda-feira, o governo suspendeu o estado de emergência do coronavírus que cobria nove prefeituras, incluindo Tóquio e Osaka, deixando apenas Okinawa sob ele até 11 de julho, já que os hospitais na província continuam em colapso devido a um aumento de pacientes com COVID-19.

Entre as nove prefeituras, sete incluindo a capital mudaram para um quase estado de emergência, o que permite medidas direcionadas para áreas específicas, em vez de prefeituras inteiras. Essas medidas também estão em vigor desde abril em outras três prefeituras próximas à Tóquio.

Leia também:

O governo do Japão apoia a semana de trabalho de 4 dias, mas especialistas dividem opiniões

Olimpíadas: Tóquio cancela os eventos de exibição pública dos jogos

Membro da equipe olímpica de Uganda testa positivo para COVID na chegada ao Japão

#coronavírus


Vacinações COVID-19 para menores de 65 anos estão em pleno andamento no Japão Japão