Pessoas que inspiram – Joanna Yamaguchi

2020.04.01

Quem acompanha o dia a dia nas redes sociais sabe que recentemente a equipe aumentou com a chegada da Lily e o Felipe, minha filha e o filho do Toloud. Os dois nasceram com apenas dois dias de diferença e para completar a coincidência, nasceram no mesmo hospital! (Quem não segue a gente ainda já clica aqui e não perca mais tempo!).

Pessoas que inspiram - Joanna Yamaguchi

Os dois nasceram no hospital Suzuki, na cidade de Toyota, província de Aichi. O hospital em si é maravilhoso, parece mais um hotel do que de fato um hospital. Para as pacientes internadas depois de ganhar bebê, é oferecido lavagem nos cabelos, massagem facial, um almoço comemorativo chiquérrimo, dão fraldas e leite de presente, entre mil e outras coisas. É realmente um sonho de lugar para as futuras mamães.

Mas, embora eu possa passar o dia falando de como minha experiência no hospital foi boa, hoje vim falar mais sobre uma pessoa que trabalha lá. Como brasileira que não sabe nada de japonês, eu passaria muito perrengue se não fosse essa mulher: Joanna Yamaguchi.

Pessoas que inspiram - Joanna Yamaguchi

Da série “pessoas que inspiram”, vim contar um pouco sobre quem ela é, porque ela é tão importante e porque quase todas as mamães brasileiras e estrangeiras a conhecem aqui na região!

A Joanna trabalha como intérprete no hospital Suzuki, e ajuda nas consultas do pré-natal na comunicação entre médico-paciente. Muitos hospitais não contam com tradutores aqui, então geralmente você precisa levar o seu próprio intérprete; esse não é o caso do Suzuki, que graças a Deus tem a Joanna.

Por falar quatro línguas (português, japonês, inglês e espanhol), a Joanna ajuda quase todas as estrangeiras que vão ao hospital, e olha que não são poucas! A maior parte das traduções que ela faz são para brasileiras, porém ela também auxilia filipinas, nepalesas, tailandesas e outras mulheres sabendo os cumprimentos básicos em francês, nepalês, turco, coreano, indonésio e tailandês. Por ter acompanhado o pré-natal de tanta gente, é impossível ver alguém que tenha tido bebê que não a conheça.

Mas, para chegar onde ela está hoje, a Joanna passou por altos e baixos na sua vida e qualquer um que tenha a oportunidade de conhecer sua história vai ver que a mulher é realmente guerreira e que depois de tanta luta, hoje é uma inspiração.

Pessoas que inspiram - Joanna Yamaguchi

Joanna é nissei (2ª geração) e nasceu no Brasil. Veio ao Japão com 19 anos junto com seus pais. Quando chegou, ela não sabia falar nada de japonês, e isso a afetou muito pois todos sabem que há um tempo, estrangeiros sofriam preconceito no Japão. Com ela não foi diferente: ela sofreu de todos os lados e foi julgada por quem menos esperava.

Pessoas que inspiram - Joanna Yamaguchi

A vida não estava sendo fácil, e quando mais pensava em desistir encontrou forças em Deus para continuar a lutar e se tornar a mulher que é hoje. Quando tudo parecia perdido, Joanna encontrou suas forças em Deus e se tornou devota à ele. Hoje, ela diz: “Eu não sabia orar mas hoje sei que meu coração estava pedindo, clamando por misericórdia. Hoje Ele é meu melhor amigo”.

Depois de ter sofrido problemas pessoais com sua família, Joanna dedicou seu tempo ao estudo da língua japonesa. Ela comprou os dicionários, que na época eram bem caros (e a internet ainda estava longe de ser desenvolvida), e com toda sua determinação estudou sozinha e foi aprendendo o japonês. Começou a trabalhar em uma logística e lá sempre que tinha a oportunidade, perguntava sobre a língua e ia coletando informações em todos os lugares. Quando decidiu aprender kanji, sempre tirava suas dúvidas com as senhoras mais velhas e tentava não se deixar abalar com as dificuldades que encontrava.

Depois, Joanna passou a trabalhar fazendo a tradução de alguns documentos em uma empreiteira, e lá iniciou seu trabalho de intérprete. Foi lá também que acabou conhecendo seu futuro marido; depois de algum tempo e de alguns “foras”, ela decidiu sair para tomar um café com o rapaz e depois que simpatizou com ele, o relacionamento fluiu. Em 2000 ela se casou.

Em julho de 2007 Joanna começou sua jornada no hospital Suzuki. Desde então conheceu milhares de famílias e ajudou todas nesse momento tão especial que é a gestação. A youtuber e blogueira Akina Emori, famosa pelas suas maquiagens e conhecida no Japão e no Brasil pelos seus vídeos, é mãe do Nick e recentemente teve a Ayla no hospital Suzuki. Quando perguntei se ela conhecia a Joanna, a resposta não podia ser diferente: “Conheço a Joanna a 4 anos e ela até hoje faz parte da minha vida! Já virou uma segunda mãe!!!”. (instagram: @akinaemori )

Pessoas que inspiram - Joanna Yamaguchi

Hoje Joanna tem uma filha (que sinceramente é a sua cópia) de 15 anos e um filho de 11, ainda trabalha no Suzuki e continua com o seu trabalho lindo de ajudar as futuras mamães. O que mais me impressionou nessa mulher, é que não bastasse ela me aguentar por 9 meses com mil dúvidas nas consultas e perguntas até idiotas – mãe de primeira viagem, ela esteve na sala de parto comigo e foi quem segurou minha mão no momento mais surreal da minha vida. Aposto que milhares de mulheres foram marcadas pelos gestos de bondade da Joanna, e de uma coisa eu tenho certeza: EU jamais vou esquecê-la, e nunca poderei medir em palavras o quão sou grata e o quanto admiro ela.

Conversando com ela e podendo conhecer sua história, não a da intérprete que está todo dia no hospital na correria para ajudar todo mundo, mas sim a da MULHER por trás disso, só tive a confirmação do que eu já sabia: ela é uma inspiração. Depois de todas as dificuldades que superou e de todos os desafios que teve que enfrentar, ela soube se erguer e hoje é um exemplo para todos; eu me orgulho de dizer que a conheci, e se eu tivesse um desejo seria que houvessem mais Joannas no mundo. À ela, o meu muito obrigada…

 


Pessoas que inspiram - Joanna Yamaguchi