DIA A DIA

Informação, cultura, turismo e entretenimento para brasileiros no Japão

Alergia ao pólen: como evitar o Kafunsho?

Se você sofre com espirros, nariz escorrendo, olhos lacrimejantes e inchados quando o clima do Japão começa a esquentar, isso pode ser “kafunsho”, também conhecido como febre do feno japonesa.

As alergias sazonais do Japão não poupam ninguém e uma vez atingido, essa alergia pode afetar seriamente a vida diária. No entanto, há maneiras eficazes de acabar ou amenizar os sintomas da alergia ao pólen no Japão. Existem diversos produtos, incluindo opções de tratamento e medicamentos, para sobreviver à temporada de kafunsho.

Temporada de Kafunsho (花粉症) em 2022

Crédito: Tenki jp

Segundo ao Tenki Japan, o pólen começará a se espalhar no início de fevereiro e terá seu pico em março, em várias partes do país.

A Japan Weather Association anunciou o “Terceiro Relatório de Previsão de Espalhamento de Pólen da Primavera de 2022” na última quinta-feira (20).

A temporada de pólen deve começar no início de fevereiro em partes de Kyushu, Shikoku, Tokai e Kanto, mas já é preciso se prevenir desde janeiro.

Este ano, a quantidade de dispersão será maior que na temporada anterior nas regiões de Tokai, Hokuriku, Kanto Koshin e Hokkaido.


Uma pequena quantidade de pólen de cedro começa a voar antes mesmo de ser reconhecida como o início da dispersão. Em áreas onde se espera que a dispersão comece no início de fevereiro, é aconselhável iniciar o controle de pólen já em janeiro.

Pico de dispersão do pólen em 2022

Espera-se que o pico de dispersão do pólen seja do final de fevereiro ao início de março em Fukuoka e Takamatsu, e do início a meados de março em Hiroshima, Osaka e Nagoya. 

Quando o pico de pólen de cedro termina, o pólen de cipreste começa a aparecer. Espera-se o pico seja do final de março ao início de abril em Fukuoka e Takamatsu, no início de abril em Hiroshima. 

Em Osaka, Nagoya e Tóquio, o pico de dispersão de pólen de cipreste é do início a meados de abril. Em Kanazawa e Sendai, o pólen de cipreste será disperso principalmente em abril, mas a quantidade é pequena em comparação com outros pontos.

O que é Kafunsho (花粉症) ?

Kafunsho (“kafun” significa pólen, “sho” significa sintomas, doença) é conhecido como febre do feno japonesa ou muitas vezes também como rinite alérgica sazonal ou polinose.

A causa mais comum do kafunsho é o pólen disperso no ar por duas espécies nativas de árvores japonesas, o “sugi” (cedro japonês) e o “hinoki” (cipreste japonês) que com sua polinização acabam deixando muitas pessoas com espirros, nariz coçando e olhos vermelhos de fevereiro a maio.

Quais são os sintomas

Os sintomas mais comuns do kafunsho são:

  • Comichão, corrimento nasal e congestão nasal
  • Espirros
  • Olhos com coceira, vermelhos, inchados e lacrimejantes
  • Olhos lacrimejantes e vermelhos 
  • Coceira na boca ou garganta
  • Comichão na pele
  • Tosse
  • Fadiga

Mas como saber se está com kafunsho ou apenas um resfriado? As coceiras no nariz, garganta e olhos são os principais sintomas que ajudam a diferenciá-lo de um simples resfriado.

Além disso, o que difere um resfriado do kafunsho, é que o primeiro é causado por uma infecção por vírus, enquanto o kafunsho é uma reação alérgica ao pólen. 

A cor do corrimento nasal também é diferente, sendo o corrimento nasal da febre do feno geralmente claro.

A tosse seca é igual a febre do feno, enquanto uma tosse mais intensa e dolorosa é frequentemente observada quando você está resfriado. 

Por que tantas pessoas sofrem de febre do feno no Japão?

Curiosamente, a febre do feno não era muito comum no Japão até a década de 1960, mas em consequência das políticas de reflorestamento após a Segunda Guerra Mundial, o grande número de cedros e ciprestes japoneses plantados começou a amadurecer e produzir enormes quantidades de pólen, que foram aumentando desde então.

Com a urbanização, os pólens causadores de alergias começaram a se espalhar pois, o concreto e os asfaltos facilitam sua circulação.

Atualmente, segundo os resultados de uma pesquisa epidemiológica sobre rinite alérgica realizada pela Sociedade Japonesa de Otorrinolaringologia, o kafunsho afeta cerca de 40% da população japonesa.

Os números devem aumentar, pois, mesmo as pessoas que não apresentam os sintomas de alergias sazonais podem desenvolvê-los no futuro. Felizmente existem algumas soluções, truques e tratamentos que ajudam as pessoas a sobreviverem à temporada de kafunsho no Japão!

O que fazer para amenizar os sintomas?

Durante os dias com altos níveis de pólen, você deve evitar sair de casa, não secar sua roupa ao ar livre e evitar abrir as janelas.

Você também pode acompanhar o site tenki.jp  para saber os níveis de pólen. Além disso, existe esse rastreador de pólen do Japão em tempo real. A quantidade de pólen no ar costuma ser maior nos dias mais quentes, como, no primeiro dia de sol após um dia chuvoso e durante os dias ensolarados, mas com ventos e ar seco.

Durante a época do kafunsho, é aconselhável usar uma máscara quando sair de casa. Existem algumas máscaras indicadas para bloquear o pólen:

Hoje em dia, as máscaras são um item obrigatório ao sair, mas as máscaras com alta função de filtro que também evitam o pólen são especialmente eficazes. 

Máscara PITTA:

Uma opção de moda que graças ao seu material único de poliuretano pode interceptar o pólen.

Máscara PM2.5 超快適マスク:

Recomendadas por organizações de saúde e reconhecidas como especialmente boas para o pólen.

Máscara 花粉を水に変えるマスク:

Também são indicadas para quem sofre de febre do feno no Japão, pois usam um método inovador que, graças a uma reação química, transforma pólen e partículas insalubres em água.

Para uma segurança extra, o Japão também criou óculos de proteção. Ele cobre totalmente os olhos e evita que o pólen entre em contato com eles. Além disso, impedem que as pessoas fiquem coçando os olhos. É possível encontrá-los em lojas como Biccamera, JINS ou Zoff.

Você também deve ter em mente que o algodão liso e os tecidos sintéticos são menos propensos a atrair o pólen. Os pólens ainda podem ficar grudados em suas roupas, então assim que entrar em casa é ideal trocá-las e tomar um banho.

Produtos para amenizar os sintomas do kafunsho

Existem diversos produtos como os sprays antialérgicos para evitar que o pólen grude em sua pele e roupas. Alguns desses sprays antialérgicos também são feitos para serem pulverizados diretamente na pele e no cabelo.

Se os sintomas de kafunsho forem mais graves, existem muitas clínicas no Japão que fazem um exame geral e podem receitar medicamentos adequados.

耳鼻咽喉科 ou 耳鼻科 (jibiinkouka ou jibika) são clínicas especializadas em otorrinolaringologia para diagnóstico e tratamento de vários sintomas de rinite, como espirros, congestão nasal e dor de garganta.

眼科 (ganka) são clínicas que se concentram em oftalmologia, como, conjuntivite alérgica, coceira nos olhos, vermelhidão, lacrimação, inchaço dos olhos ou pálpebras.

内科 (naika) são um clínico geral e também podem fornecer tratamento, pois se concentram na medicina interna, incluindo sintomas relacionados ao resfriado e à febre do feno.

アレルギー科 (arerugiika) são clínicas especializadas em alergias onde o médico é um alergista certificado pela Sociedade Japonesa de Alergologia.

As clínicas pediátricas 小児科 (shonika) também podem fornecer a ajuda se as crianças desenvolverem sinotmas de kafunsho.

Fonte: Tsunagu Local e Izanau Beta

Leia também:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *